1 1 1 2 2 2 3 3 3

FIM DOS CONTORNOS

Studio Pharus convida para a exposição “Fim dos Contornos”, resultado da Vivência Artística 2018. A partir do tema, fio condutor das atividades que marcaram esta primeira temporada de projetos, artistas foram provocados a pensar sobre as transformações que marcam o tempo presente – uma clara quebra de paradigmas que impõe outros valores e nos convida a uma permanente revisão de rota. Eleanor Greenleaf, Friederich Engl e Marilia Furmam tiveram seus projetos selecionados entre cerca de 60 inscritos e agora compartilham o resultado das investigações que realizaram em um percurso de quatro meses sob a curadoria da equipe Pharus Bright Design.

A intenção é contribuir com a construção de pontes de integração estética e de comunicação entre o que estava estabelecido e o novo.

ABERTURA
29 de Agosto, das 19h às 22h
A mostra segue em cartaz de 30.08 à 05.09

Horários de segunda à sexta, das 16h às 20h.
Sábado e Domingo das 11h às 16h.
Entrada franca

O Studio

Pharus

Somos um Studio de experimentação estética e investigação em processos criativos. Acreditamos no fazer com as mãos e nos processos livres, que rompem as barreiras entre as artes visuais e o design. Aqui, abrimos espaço para que os trabalhos autorais tomem forma, sentido e projeção. Aqui, os trabalhos comerciais ganham processos livres e resultados estéticos nunca antes vistos pelo mercado.

Juntos, testamos, arriscamos e inventamos um jeito diferente de criar beleza. Esse é o caminho que estamos desenhando para descobrir e dividir nossa arte com o mundo.

O Edifício

Esther

Estamos no 9º andar do Edifício Esther, um dos primeiros prédios modernistas de São Paulo, na Praça da República. Desde 1938, quando foi inaugurado, ele se tornou ponto de encontro e residência de pintores, escritores, arquitetos e artistas importantes do Brasil, como Di Cavalcanti. O Museu de Arte Moderna nasceu aqui, em uma reunião no subsolo.

A herança artística do esther é inspiração para nossos processos criativos, oficinas e exposições.

Voltar ao topo